Ameaças contra tunisiana levam Femen a protesto em massa na …

Ativistas ao redor do mundo usam nudez para chamar atenção; veja

Ativistas do Femen foram para as ruas em diferentes cidades europeias nesta quinta-feira protestar em defesa da tunisiana Amina Tyler, ameaçada de morte depois de postar fotos seminua na internet, questionando as leis islâmicas. As manifestantes se reuniram em frente a embaixadas da Tunísia e mesquitas em Paris, Berlim, Kyiv, Milão e Bruxelas em um movimento que chamam de "jihad internacional do topless".

A tunisiana enviou fotos de protesto ao Femen na Ucrânia que se espalharam pelo mundo

Após crescer em uma casa rodeada por mulheres que sempre usaram véu, primeiro Amina decidiu que andaria com a cabeça descoberta. Em seguida, partiu para um protesto mais radical. No dia 11 de março, ela tirou a roupa e escreveu sobre os seios e a barriga frases como “meu corpo me pertence e não serve à honra de ninguém” ou “meu corpo contra o islamismo”. Um amigo a fotografou e enviou as imagens às manifestantes do Femen na Ucrânia para que as divulgassem.

Procurada pela imprensa, a jovem tunisiana foi taxativa: "Não obedeceremos a mais nenhuma autoridade, nem familiar nem religiosa. Sabemos o que queremos e tomamos as nossas decisões", disse em entrevista publicada pelo Huffington Post. Desde então, Amina vem sendo chamada de “a primeira Femen tunisiana”.

Ativista do Femen exibe cartaz pedindo liberdade para a tunisiana Amina Tyrel em frente a Grande Mesquita de Bruxelas, na Bélgica

No entanto, depois do grito de liberdade, a jovem despareceu. Relatos desencontrados dão conta de que a família a estaria mantendo isolada e sob efeito de remédios. A mãe chegou a dizer que ela está “psicologicamente fragilizada”.

Uma advogada da família, contatada pelo jornal francês Le Figaro garantiu que Amina não foi hospitalizada e está bem, mas as ativistas do Femen não acreditam na versão e prometem continuar a onda de manifestações em defesa da jovem até conseguirem contato direto com ela.

Entre as penas para a jovem exigidas por organizações religiosas do país estão dezenas de chibatadas e a condenação à morte por apedrejamento. 

Feministas protestam de topless por muçulmana

Via: m.terra.com.br


Short link: [Facebook] [Twitter] [Email] Copy - http://whoel.se/~b7gGJ$2WX

This entry was posted in PT and tagged on by .

About FEMEN

The mission of the "FEMEN" movement is to create the most favourable conditions for the young women to join up into a social group with the general idea of the mutual support and social responsibility, helping to reveal the talents of each member of the movement.

Leave a Reply