Ativistas protestam pelo parto domiciliar


São Paulo. Ativistas do grupo feminista Femen fizeram uma manifestação ontem no vão livre do Masp, na avenida Paulista, em São Paulo. Com o corpo pintado com os dizeres "Violação não", as jovens Sara Winter - primeira integrante do Fenem no Brasil - e Bruna Themis ergueram cartazes com dizeres como "Nossas crianças, nossa decisão" e "Brasil, não siga o exemplo do Rio" - uma crítica ao Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro, que proibiu médicos de realizarem partos em casa.


O Fenem, grupo de origem ucraniana, é famoso pelos protestos nus e tem integrantes no Brasil FOTO: FOLHA PRESS

A manifestação atraiu mais curiosos do que simpatizantes a causa. O Fenem, grupo de origem ucraniana, é famoso pelos protestos nus. A polícia não interferiu no ato deste domingo.

Pela decisão do Conselho Regional de Medicina (Cremec) do Rio, o médico que realizar partos em casa pode ser processado disciplinarmente e até mesmo ter o registro cassado. O conselho argumenta que o parto fora do hospital não traz segurança. Uma segunda resolução também proibiu a atuação em hospitais das parteiras e das doulas - que são especializadas no acompanhamento das gestantes.

Via: diariodonordeste.globo.com


Short link: [Facebook] [Twitter] [Email] Copy - http://whoel.se/~PUCih$1Nm

This entry was posted in PT and tagged on by .

About FEMEN

The mission of the "FEMEN" movement is to create the most favourable conditions for the young women to join up into a social group with the general idea of the mutual support and social responsibility, helping to reveal the talents of each member of the movement.

Leave a Reply