Presa desde maio, integrante do Femen é libertada na Tunísia

M'SAKEN, TUNÍSIA - A ativista política Amina Sboui foi libertada nesta quinta-feira por ordem da corte de primeira instância de M'saken. A integrante do Femen, presa em maio, está livre para aguardar o julgamento em liberdade.

A tunisiana de 19 anos causou polêmica no país ao publicar uma foto sua com os seios à mostra na Internet. Logo depois, foi detida sob a acusação de ter pintado a palavra "Femen" no muro do cemitério de Kairuan. Ela responde a um processo pela profanação do local. Na segunda-feira, a Justiça havia desistido de processá-la por desacato contra guardas da prisão.

- É uma grande alegria. Ela vai ser julgada em dez dias, mas o mais importante é que ela estará com sua família agora - disse o advogado Ghazi Mrabet em entrevista à rádio MosaiqueFM.

A prisão de Amina gerou manifestações de apoio à ativista ao redor do mundo. O conservadorismo dos islamistas do partido Ennahda, que governam o país, foi criticado por ONGs e militantes dos direitos humanos.

Via: br.noticias.yahoo.com


Short link: [Facebook] [Twitter] [Email] Copy - http://whoel.se/~aH47T$3sD

This entry was posted in PT and tagged on by .

About FEMEN

The mission of the "FEMEN" movement is to create the most favourable conditions for the young women to join up into a social group with the general idea of the mutual support and social responsibility, helping to reveal the talents of each member of the movement.

Leave a Reply