Ativistas seminuas são detidas em protesto contra fraudes em Moscou

Ativista do grupo feminista Femen é detida durante protesto em Moscou nesta sexta-feira (9). As mulheres enfrentaram o frio para apoiar a oposição russa e condenar a suposta fraude nas últimas eleições parlamentares no país.
Entre as denúncias se destacam a introdução em massa de cédulas e o transporte em ônibus de dezenas de pessoas a diferentes colégios para que votassem repetidamente no partido governista.

Manifestantes saíram às ruas de Moscou e São Petersburgo por três dias consecutivos para protestar contra supostas irregularidades nas eleições e manipulações dos resultados. O partido de Putin, Rússia Unida, conseguiu cerca de 50% dos votos, forte queda em relação aos 64% obtidos na eleição de 2007

Na quinta-feira, 8, o primeiro-ministro da Rússia, Vladimir Putin, acusou nesta quinta-feira os Estados Unidos de estimular os protestos no país após as eleições parlamentares de domingo. De acordo com o premiê, a secretária de Estado americana, Hillary Clinton, “deu um sinal” aos opositores do governo ao denunciar supostas irregularidades na votação.

De acordo com a chanceler americana, as eleições russas não foram "livres e justas", afirmando que isso demonstra que menosprezam a confiança da cidadania em suas instituições. As declarações de Hillary foram criticadas pelo presidente russo, Dmitri Medvedev, e pelo Ministério das Relações Exteriores, que considerou o comentário “inaceitável”.

 

Via: 24horasnews.com.br


Short link: [Facebook] [Twitter] [Email] Copy - http://whoel.se/~1M5hC$FU

This entry was posted in PT and tagged on by .

About FEMEN

The mission of the "FEMEN" movement is to create the most favourable conditions for the young women to join up into a social group with the general idea of the mutual support and social responsibility, helping to reveal the talents of each member of the movement.

Leave a Reply