Category Archives: PT

Documentário revela que movimento FEMEN é liderado por um …

Um novo documentário revela que o movimento feminista ucraniano FEMEN foi fundado e é controlado por um homem, que grita com as mulheres e chama-lhes «bitch» («p**a»). De acordo com o «Ukraine is not a Brothel» («A Ucrânia não é um Bordel»), Victor Svyatski escolhe a dedo as raparigas mais bonitas para a realização dos protestos públicos em topless. O movimento tem ganho destaque na imprensa em todo o mundo, com contestações à discriminação sexual e política, através de «acções mediáticas cuidadosamente orquestradas» protagonizadas por jovens >>>

Ativistas do Femen protestam em festa de lançamento de filme …

As Ativistas do Femen foram convidadas para a festa de apresentao do filme "A Ucrnia no bordel".

De acordo com o blog Pagenotfound, desta vez as ativistas puderam ficar bem a vontade para protestar.

Com os seios a mostra e sem nenhum tipo de represso as ativistas puderam protestar com liberdade, sem nenhum tipo de represso da polcia. H quem diga que acabaram por roubar cena do filme.

E se a moda chega ao Brasil?

Redao O POVO Online

Via: opovo.com.br

Documentário revela que grupo feminista Femen era controlado por …

Por Rodrigo Salem, Enviado especialVENEZA SÃO PAULO, SP, 4 de setembro (Folhapress) - O grupo feminista Femen ficou conhecido nos últimos anos pela forma incomum de chamar a atenção para os direitos das mulheres: mostrando os seios. Não houve topless na sessão de "Ukraine Is Not a Brothel" ("Ucrânia Não é um Bordel"), documentário da australiana Kitty Green apresentado hoje, fora de competição no Festival de Veneza. Mas o barulho foi grande mesmo assim.O primeiro longa a mostrar os bastidores do grupo formado na Ucrânia revelou que Viktor Svyatsky, tido como um simples >>>

Documentário revela que grupo feminista Femen era controlado por …

Por Rodrigo Salem, Enviado especialVENEZA SÃO PAULO, SP, 4 de setembro (Folhapress) - O grupo feminista Femen ficou conhecido nos últimos anos pela forma incomum de chamar a atenção para os direitos das mulheres: mostrando os seios. Não houve topless na sessão de "Ukraine Is Not a Brothel" ("Ucrânia Não é um Bordel"), documentário da australiana Kitty Green apresentado hoje, fora de competição no Festival de Veneza. Mas o barulho foi grande mesmo assim.O primeiro longa a mostrar os bastidores do grupo formado na Ucrânia revelou que Viktor Svyatsky, tido como um simples consultor >>>

Por medo, fundadoras do Femen deixam Ucrânia

Três fundadoras do grupo feminista Femen, famoso por suas ativistas que manifestam em topless, anunciaram neste sábado que deixaram a Ucrânia por medo de repressão, após a descoberta de armas em seu escritório em Kyiv pela polícia ucraniana.   Alexandra Shevchenko, Anna Goutsol e Iana Jdanova "fugiram da Ucrânia temendo por suas vidas e sua liberdade", indicou o Femen em um comunicado publicado em seu site oficial. As três ativistas vão "continuar suas atividades na Europa", afirma o comunicado.   As fundadoras do Femen decidiram deixar o país depois de serem chamadas para interrogatório >>>

Comunicado Fundadoras do grupo Femen fogem da Ucrânia

Alexandra Chevtchenko, Anna Goutsol e Iana Jdanova "fugiram da Ucrânia por recearem pela sua vida e liberdade", indicou o grupo num comunicado publicado no seu 'site' oficial. As três ativistas "vão continuar as suas atividades na Europa", precisa o comunicado. As fundadoras do Femen tomaram a decisão depois de terem sido convocadas pela polícia para um interrogatório, de acordo com a mesma fonte. O grupo feminista afirmou que as três mulheres podiam ser acusadas de posse ilegal de armas - que pode ser punida com uma pena até cinco anos de prisão - depois de a polícia ter >>>

Fundadoras da Femen fogem por recearem pelas suas vidas

A decisão foi tomada depois de a polícia ucraniana ter alegadamente encontrado armas na sede do movimento, em Kyiv, após buscas no local.

De acordo com o comunicado emitido pela Femen, Yana Zhdanova, Anna Hutsol e Alexander Shevchenko foram convocadas para um interrogatório, pelo que «passariam de ser suspeitas para ser acusadas».

As três ativistas, «temendo pela sua vida e liberdade», fugiram da Ucrânia e vão agora «continuar as atividades do grupo» na Europa, lê-se na nota.

Via: marataizes.com.br

Fundadoras da Femen fogem por recearem pelas suas vidas

As três fundadoras do movimento feminista Femen fugiram da Ucrânia por temerem pelas suas vidas, de acordo com uma nota publicada no site do grupo.A decisão foi tomada depois de a polícia ucraniana ter alegadamente encontrado armas na sede do movimento, em Kyiv, após buscas no local.De acordo com o comunicado emitido pela Femen, Yana Zhdanova, Anna Hutsol e Alexander Shevchenko foram convocadas para um interrogatório, pelo que «passariam de ser suspeitas para ser acusadas».As três ativistas, «temendo pela sua vida e liberdade», fugiram da Ucrânia e vão agora «continuar as atividades >>>

Fundadoras do grupo Femen fogem da Ucrânia – Diário de Notícias

Alexandra Chevtchenko, Anna Goutsol e Iana Jdanova "fugiram da Ucrnia por recearem pela sua vida e liberdade", indicou o grupo num comunicado publicado no seu 'site' oficial.As trs ativistas "vo continuar as suas atividades na Europa", precisa o comunicado.As fundadoras do Femen tomaram a deciso depois de terem sido convocadas pela polcia para um interrogatrio, de acordo com a mesma fonte.O grupo feminista afirmou que as trs mulheres podiam ser acusadas de posse ilegal de armas - que pode ser punida com uma pena at cinco anos de priso - depois de a polcia ter dito na passada tera-feira que encontrou >>>

Fundadoras do grupo Femen fogem da Ucrânia por recearem pela …

fotodrAlexandra Chevtchenko, Anna Goutsol e Iana Jdanova "fugiram da Ucrnia por recearem pela sua vida e liberdade", indicou o grupo num comunicado publicado no seu 'site' oficial.As trs ativistas "vo continuar as suas atividades na Europa", precisa o comunicado.As fundadoras do Femen tomaram a deciso depois de terem sido convocadas pela polcia para um interrogatrio, de acordo com a mesma fonte.O grupo feminista afirmou que as trs mulheres podiam ser acusadas de posse ilegal de armas - que pode ser punida com uma pena at cinco anos de priso - depois de a polcia ter dito na passada tera-feira que >>>