Manifestação topless na seção em que votou o primeiro-ministro

0 Comentários

  • Compartilhar
  • Três representantes do grupo ucraniano Femen, jovens famosas por fazerem suas manifestações em topless, entraram no prédio da Academia de Ciências da Rússia, em Moscou, logo após a saída do Primeiro-Ministro Vladimir Putin e de sua esposa, Ludmila, que votaram numa seção eleitoral instalada no prédio. Sobre os seios nus, as moças traziam inscrições de protesto.

    As manifestantes foram logo contidas pelo sistema de segurança das eleições, e levadas para uma delegacia de polícia. Elas deverão permanecer detidas por 15 dias, cumprindo prisão administrativa.

    Via: diariodarussia.com.br


    Short link: [Facebook] [Twitter] [Email] Copy - http://whoel.se/~fndiJ$dk