Category Archives: PT

Justiça francesa adia processo das Femen

Outras Notícias Strauss Kahn vai ser julgado por proxenetismo agravado 26/07/2013 17:03 CET Fundadora do movimento Femen é a nova “Marianne” dos… 16/07/2013 19:09 CET Ex-corretor da Goldman Sachs julgado por fraude 15/07/2013 19:28 CET França concede asilo político à líder das ‘Femen’ 08/07/2013 19:54 CET Tribunal confirma prisão perpétua para “Chacal” 26/06/2013 22:26 CET Um tribunal de Paris adiou para 19 de fevereiro >>>

Julgamento de feministas que invadiram Notre Dame é adiado

O tribunal criminal de Paris adiou, hoje, para 19 de fevereiro de 2014 o julgamento de nove membros do grupo feminista Femen, acusado de ter danificado sinos da catedral de Notre Dame durante uma ação em fevereiro passado. Este é o primeiro julgamento de militantes do Femen na França. Em 12 de fevereiro deste ano, as feministas invadiram a catedral enquanto faziam topless, como de costume, e, com pedaços de madeira, tocaram sinos que estavam provisoriamente expostos no chão da igreja, e gritaram palavras de ordem para celebrar a aposentadoria do Papa Bento 16 e contra a homofobia. O >>>

Julgamento de feministas que invadiram Notre Dame é adiado

SÃO PAULO, SP, 13 de setembro (Folhapress) - O tribunal criminal de Paris adiou, hoje, para 19 de fevereiro de 2014 o julgamento de nove membros do grupo feminista Femen, acusado de ter danificado sinos da catedral de Notre Dame durante uma ação em fevereiro passado.Este é o primeiro julgamento de militantes do Femen na França. Em 12 de fevereiro deste ano, as feministas invadiram a catedral enquanto faziam topless, como de costume, e, com pedaços de madeira, tocaram sinos que estavam provisoriamente expostos no chão da igreja, e gritaram palavras de ordem para celebrar a aposentadoria >>>

Julgamento de feministas que invadiram Notre Dame é adiado

SÃO PAULO, SP, 13 de setembro (Folhapress) - O tribunal criminal de Paris adiou, hoje, para 19 de fevereiro de 2014 o julgamento de nove membros do grupo feminista Femen, acusado de ter danificado sinos da catedral de Notre Dame durante uma ação em fevereiro passado. Este é o primeiro julgamento de militantes do Femen na França. Em 12 de fevereiro deste ano, as feministas invadiram a catedral enquanto faziam topless, como de costume, e, com pedaços de madeira, tocaram sinos que estavam provisoriamente expostos no chão da igreja, e gritaram palavras de ordem para celebrar a aposentadoria >>>

Justiça adia processo do Femen na França por ação na Notre-Dame

O primeiro processo do Femen na França durou cerca de uma hora nesta sexta-feira, sendo em seguida adiado para o início de 2014, para esperar as conclusões da enquete sobre a expulsão violenta das ativistas. Em fevereiro desse ano, após a renúncia de Bento XVI, o grupo de mulheres entrou na catedral de Paris com os seios descobertos e os dizeres "Papa nunca mais" ou "Bye bye Bento" escritos no corpo para protestar contra o Papa e a homofobia. As militantes foram retiradas do edifício religioso tombado, depois de terem batido com um pedaço de madeira em um dos sinos da catedral, >>>

Integrantes do Femen serão julgadas

Nove integrantes do grupo Femen serão julgadas nesta sexta-feira, em Paris. Elas são acusadas de danificar a catedral de Notre Dame após uma manifestação que ocorreu em fevereiro deste ano.  De acordo com as feministas, o protesto foi organizado para celebrar renúncia do papa Bento 16 e a decisão do parlamento francês em aprovar um projeto de lei que permite o casamento homossexual. As feministas bateram com pedaços de madeiras em três sinos colocados provisoriamente no corredor da igreja, enquanto gritavam "Papa nunca mais", em inglês. Nos seios e nas costas, elas escreveram frases >>>

Integrantes da Bélgica abandonam grupo FEMEN

Anunciamos o fechamento do braço do FEMEN na Bélgica. Nós tomamos essa decisão unanimemente devido a visões diferentes sobre o modo de organização interna do movimento internacional FEMEN. Nós não temos arrependimentos, pois conduzimos nossas ações com sinceridade. Vamos dar prosseguimento à luta, não há dúvida sobre isso, mas nós o faremos de maneira diferente. Vive la Révolution! Protestos do FEMEN em Moscou, por Sergey Kukota no FlickR CC-license-BY-2.0 Essa mensagem foi publicada pelo FEMEN belga na página de Facebook [fr] em 9 de setembro, nos idiomas inglês e francês, >>>

Vestidas e elegantes, ativistas dos Femen vão a première em Veneza

Ativistas do Femen foram à exibição do filme Ukraine is not a Brothel, documentário sobre o grupo feminista, no Festival de Veneza, na Itália Foto: AFP Ativistas do Femen foram à exibição do filme Ukraine is not a Brothel, documentário sobre o grupo feminista, no Festival de Veneza, na Itália Foto: AFP Ativistas do Femen foram à exibição do filme Ukraine is not a Brothel, documentário sobre o grupo feminista, no Festival de Veneza, na Itália Foto: AFP >>>

Movimento Femen se exibe em Veneza

VENEZA As integrantes do grupo feminino de protesto Femen são mulheres de peito. Após revelarem a intimidade de seu movimento para a documentarista australiana Kitty Green, acompanharam-na até Veneza para o laçamento de “Ukraine Is Not a Brothel”, causando rebuliço entre os fotógrafos ao posar de topless, sua marca registrada. Foi disparada a sessão de fotos mais concorrida do festival. Vestidas para dar entrevistas, contaram estar foragidas. Não querem voltar para a Ucrânia, com receio das repercussões despertadas por suas manifestações. Poucos dias antes da première >>>

Cultura – Ativistas do Femen "roubam" atenções no Festival de Veneza

Femen – A nossa missão é protestar, as nossas armas são seios despidos Sete ativistas do movimento Femen “roubaram” as atenções no Festival de Veneza, ao percorrerem o tapete vermelho em topless na quarta-feira, para espalhar a mensagem que “A Ucrânia não é um Bordel”. Esse é o título de um documentário, da cineasta australiana Kitty Green, de 28 anos, que se debruça sobre o movimento feminista contra a opressão sexual e política. O documentário também expõe um homem, Viktor Svyatsky, como sendo o “patrão” do grupo. O movimento ucraniano Femen, com sede em Kyiv >>>